Nova Sessão Esclarecimento – Sessão Pratica sobre o novo Contrato Coletivo de Trabalho – Lisboa 22/11
Novembro 15, 2018
Manifestação “coletes amarelos” em França
Novembro 21, 2018
Mostrar tudo

Vimos disponibilizar um cartaz elaborado pela DGAV - Direção Geral de Alimentação e Veterinária, com informação sobre a Peste Suína Africana (PSA), dirigido ao público em geral mas, com principal destaque para todos os operadores de transportes internacionais, como forma de prevenção da introdução desta doença em território Português.

A Peste Suína Africana (PSA) é uma doença que atinge todos os suídeos (domésticos e selvagens) com enorme impacto na saúde dos animais, provocando avultadíssimos prejuízos económicos e bloqueios comerciais internacionais. A doença não representa qualquer risco para a saúde humana.

Nos últimos meses têm ocorrido na Europa novos casos e focos de PSA, que parece estar a evoluir para um cenário de maior risco de alastramento, tanto em javalis como em suínos domésticos. A disseminação do vírus que provoca doença nas populações de javalis tem atingido zonas anteriormente consideradas livres, como são os casos mais recentes da Bélgica, Hungria, Estónia, Polónia, e Roménia, contagiando também suínos domésticos na Bulgária, Letónia, Lituânia, Itália, Polónia e Roménia.

Um dos principais fatores de risco para a propagação da PSA é a alimentação de suínos e javalis com produtos ou restos alimentares  contendo carne de suíno contaminada com o vírus, uma vez que os processos tradicionais de cura, fumagem e congelação a que esses produtos são sujeitos não destroem o vírus.

Tendo em consideração a natureza da nossa Associação, vimos alertar para o cumprimento destas simples mas importantes regras de conduta.

Agradecemos a atenção prestada a este assunto que se reveste de particular importância para a saúde animal e economia nacional.

 

 

Free WordPress Themes, Free Android Games